quarta-feira

Bactéria contamina carne e mata 1 pessoa na Alemanha; outras 400 estão internadas





Autoridades da saúde na Alemanha emitiram um alerta de surto de bactéria E. coli na carne, que já matou uma pessoa. O Ministério da Saúde alemão anunciou nesta terça-feira (24.05) que uma mulher de 83 anos morreu depois dar entrada em um hospital no último dia 15 com sintomas de diarréia com sangue. A contaminação por E.coli foi confirmada com a realização de exames.

Na cidade de Bremen, autoridades divulgaram ainda que uma jovem morreu na manhã desta terça-feira com sintomas de contaminação pela bactéria. Resta agora aguardar os resultados laboratoriais para confirmarem a causa da morte.

O surto de E. coli foi identificado na segunda semana de maio, e as autoridades sanitárias da Alemanha já têm cerca de 400 casos suspeitos de pessoas contaminadas pela bactéria. Ao menos 40 desses casos foram diagnosticados como "muito sérios", com pacientes respirando com a ajuda de aparelhos e um paciente em estado de coma.

Segundo o governo alemão, cerca de mil pessoas se contaminam anualmente no país com bactérias. "Mas as estatísticas atuais ultrapassaram os registros em nosso histórico", disse o microbiologista Werner Solbach. Ele declarou ainda que exames de laboratório mostram que a bactéria presente neste surto é parcialmente resistente aos antibióticos, sendo difícil o controle.

A bactéria E.coli se desenvolve no intestino dos animais e os sintomas da contaminação incluem diarréia com sangue e cãibra estomacal. Em casos mais graves, a doença evolui para uma síndrome que leva à falência dos rins e até à morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário